Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

DVD

DVD

Piratas das Caraíbas - Nos Confins do Mundo


No meio de tantos exames lá consegui arranjar tempo para ir ao cinema. Fui ver os Piratas das Caraíbas - Nos Confins do Mundo, e devo dizer, que ao contrário de uma boa parte das pessoas, não fiquei minimamente desiludido com o final da trilogia, muito pelo contrário.

Muitos dos típicos blockbusters de Verão são acusados de falta de ideias, mas a única coisa de que este filme pode ser acusado é de ter ideias a mais, tal foi a ambição dos argumentistas (Terry Rossio e Ted Elliot) em criar uma mitologia tão rica.

Eu pessoalmente acho que no conjunto, os três filmes representam uma das mais originais e ambiciosas aventuras em muitos anos, talvez mesmo desde Indiana Jones.

Piratas das Caraíbas - Nos Confins do Mundo, apesar da sua duração de quase três horas, passou no instante. A história não é tão complicada como muitas críticas sugerem e parece-me que o problema levantado por muitas delas, sobre a confusão de haver tantas traições entre as personagens é absolutamente irrelevante. Quem trai quem, acaba por se relavar praticamente irrelevante para o arco principal da história, funcionando mais como uma piada recorrente (afinal, os piratas não são gente de confiança, não é verdade?).

Mas este artigo na verdade não passa de um pretexto para deixar aqui este vídeo, que é uma das minhas cenas preferidas do filme, e que os cinéfilos reconhecerão como uma divertida homenagem a Sergio Leone e Ennio Morricone.

1 comentário

Comentar post