Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DVD

DVD

Os Trinta Melhores Filmes Lançados em DVD em 2004: #10 - Lost In Translation - O Amor é Um Lugar Estranho

lost_in_translation.jpg


Sinopse:


Bob Harris e Charlotte (Bill Murray e Scarlett Johansson) são dois americanos em Tóquio. Bob é uma estrela de cinema que está na cidade para gravar um anúncio a um Whisky, enquanto Charlotte é uma jovem que anda a reboque do marido, um fotógrafo viciado em trabalho (Giovanni Ribisi). Incapazes de dormir, os caminhos de Bob e Charlotte cruzam-se, uma noite, no luxuoso bar do hotel.


Este encontro patrocinado pelo acaso torna-se rapidamente numa surpreendente amizade. Charlotte e Bob aventuram-se por Tóquio, tendo por vezes encontros hilariantes com os seus habitantes para, finalmente, descobrirem uma nova crença nas possibilidades da vida.


O Filme:

Bob Harris, uma estrela de cinema norte-americana viaja para Tóquio para
gravar um anuncio. No hotel onde fica instalado, está também Charlotte, uma
jovem rapariga que acompanha o seu marido fotógrafo. Juntos vão partilhar um
estado de inadaptação ao local e às pessoas que os rodeiam.
Bill Murray está absolutamente perfeito no seu papel, e Scarlett Johanson
acompanha-o sem dificuldades, compondo assim uma dupla deliciosa. As
personagens estão muito bem delineadas, conseguindo o espectador perceber
exactamente o que sentem. O argumento é muito simples, mas muito
desconcertante, girando em torno do velho medo humano de nos sentirmos sós
no meio da multidão. A realização tem um estilo muito particular, sendo que
a história é mais contada por imagens do que por palavras. Nunca o silêncio
falou tanto como neste filme, cada plano tem um significado.  Sofia Coppola
consegue mostrar as diferenças culturais, mas sem nunca rebaixar ou fazer
juízos de valor sobre a cultura nipónica, conseguindo momentos
verdadeiramente divertidos. Consegue mostrar também o fascinante contraste
de um Japão altamente desenvolvido com um Japão que preserva, quase
imaculadamente, as raízes de uma cultura milenar. O final está perfeito, nem
poderia ser outro. Não me parece que a relação das duas personagens (que não
chegamos a perceber até que ponto é de amor ou amizade) devesse ir mais
além. A beleza do filme está aí, na forma como se apoiam mutuamente até que
no final percebem  a irrealidade do sentimento que os une.
Nunca um título disse tanto sobre um filme como aqui. Lost in Translation é
mesmo a frase-chave da história. Simples, bonito, divertido, brilhante...


Carla Santos


Classificação do filme:


5.jpg 


Os Extras:


Documentário  ”Lost" on Location", é um excelente making of, muito no espírito do filme.

Teledisco "City Girl" de Kevin Shields

Cenas Cortadas, são essencialmente continuações de cenas que estão no filme, vale a pena dar uma vista de olhos.

Entrevistas com Bill Murray e Sofia Coppola, é interessante, só é pena não ter mais de 10 min.


O disco acaba por ser, de certa maneira uma desilusão, mas como o que temos é de qualidade, nem tudo é mau...

Classificação dos extras:


3,5.jpg